Armando a tolda de seu acampamento

Uma tolda é imprescindível em um acampamento escoteiro, ela protege os utensílios, a caixa de patrulha, a sua cozinha e mesa e muitas vezes a própria barraca do orvalho da noite, da chuva e também do sol, em dias muito quentes.



A forma mais simples de armarmos a nossa tolda mais ou menos como na figura acima. Isto parece ser muito fácil, não é? O problema é que estamos lidando com a natureza, que muda de figura à cada acampamento que fazemos: mudam os materiais disponíveis, muda o tempo e muda o vento. O objetivo desta postagem é mostrar algumas dicas que ajudarão à nos adaptarmos à cada situação que iremos enfrentar.

Em primeiro lugar, nada melhor do que acompanharmos a previsão do tempo antes de sairmos ao próximo acampamento. Nos dias de hoje ela já é muito precisa e pode nos ajudar a enxergar o que teremos pela frente: se tem chance de ter tempestade, chuva intensa, chuvisco, dia encoberto, dia ensolarado, muito frio, muito calor, sem vento, ventos fortes, de que direção, etc.

Quanto aos materiais disponíveis, podemos evitar surpresas e levar boa parte de casa. Sabendo mais ou menos onde vamos, também podemos prever o que existe por lá ou nos informar se teremos árvores, bambu, etc.

Agora vamos à parte prática, onde tomaremos alguns cuidados para evitar tudo o que não queremos: uma lona voando, poças nela se formando e nosso acampamento inundando.

Evitando que o vento leve a nossa tolda:
Nesta representação temos 3 situações. Na situação 1 a tolda foi armada de forma simétrica, com a lona acima do solo. Se ventar por um dos lados este lado vai forçar a lona para baixo e o outro vai forçar para cima, tendo um certo risco de soltar o espeque no lado que foi para cima, além de poder molhar as nossas coisas se tiver uma chuva com vento entrando por baixo da lona. Se quisermos evitar isto podemos abaixar um dos lados da lona e levantar o outro lado como na situação 2, aí ficamos protegidos do vento. Só temos que ter o cuidado de fazer isto do lado certo, caso contrário corremos o risco do vento levar a nossa lona embora, como na situação 3!

Seguem outras dicas básicas, mas muito importantes, que muitas vezes deixamos de prestar atenção:
- Os espeques que vão prender os cabos ao chão devem ficar 90° em relação aos cabos;
- Montar de forma que a água não tenha como formar poças em sua superfície;
- Não usar a sua barraca como suporte do toldo, ela não foi projetada para isto.

E, por fim, algumas dicas inteligentes para a montagem da tolda:
- Use elásticos para o esticamento da lona, assim ela pode ceder um pouco quando tiver alguma rajada de vento, evitando que ela rasgue;
- Use um graveto para firmar a lona ao cabo que a suportará:

Comentários

Postagens populares